Connect with us

Decoração

Mesas e cadeiras para restaurante: como escolher as mais adequadas

Como escolher mesas e cadeiras para restaurante? Essa é uma decisão importante e faz toda a diferença no posicionamento do negócio no mercado.

Uma recente pesquisa descobriu que 34% dos brasileiros gastam com alimentação fora do lar e que esses gastos correspondem a 25% de sua renda. Os números revelam uma grande oportunidade, mas também demonstram a necessidade de investir na experiência do cliente.

Para atrair e conquistar um público fiel, os restaurantes precisam ficar atentos aos detalhes. Além de uma comida de qualidade, a escolha dos móveis perfeitos é um fator decisivo para o crescimento do negócio.

Para abordar melhor esse assunto, entrevistamos o designer de interiores David Oliveira, da Oliveira Interiores, que compartilhou conosco ótimas dicas sobre a escolha de mesas e cadeiras para restaurante. Continue a leitura e aprenda mais sobre esses itens.

A importância da escolha das mesas e cadeiras para restaurante

As mesas e cadeiras dizem muito sobre a personalidade e essência do restaurante, gerando um impacto muito positivo na avaliação do consumidor. Segundo David Oliveira, “a primeira impressão do cliente final ao chegar no restaurante é a arquitetura e a decoração. Depois ele vai descobrir se a comida é boa e se o atendimento é bom. O espaço é a sua primeira impressão”.

De fato, o impacto visual causado pela escolha adequada do mobiliário é algo que favorece a experiência do consumidor. Móveis bonitos, bem distribuídos e compatíveis com a mensagem que o negócio deseja transmitir ajudam a fortalecer sua credibilidade.

De acordo com o designer, “a temática é extremamente importante”. Mas, para isso, a identidade visual do restaurante sempre deve ser levada em consideração.

Diante de um consumidor exigente e atento aos detalhes, esse fator pode ser um diferencial competitivo importante. Afinal, a primeira mensagem recebida é a de um negócio bonito, moderno e que valoriza o bem-estar de seus clientes.

Os principais tipos de cadeiras e mesas

O empreendedor que atua nesse segmento tem uma série de produtos  à sua disposição. Além da essência do negócio, diversos aspectos devem ser observados durante a escolha, como estética, usabilidade, conforto, requinte, material e durabilidade. Confira um pouco mais sobre os principais modelos existentes no mercado.

Plano de madeira

O plano de madeira é um clássico em restaurantes. David destaca que gosta bastante desse padrão estético e que por termos maior afinidade com a madeira, é normal ser utilizada nos projetos. Além disso, a madeira é mais leve que o metal, o que facilita a usabilidade das peças — a limpeza diária do local exige a retirada dos móveis.

Deve-se destacar que, por questões de usabilidade, a madeira precisa de um tratamento especial. Ele afirma que dá preferência à madeira selada, que garante uma proteção maior ao móvel, afinal, em restaurantes é comum sofrerem arranhões e batidas, causadas pela frequência de uso.

Booths

De acordo com David, os booths são modelos que se adaptam muito bem, principalmente, às cafeterias. Além de serem assentos que atribuem mais conforto ao cliente, permitindo que ele passe mais tempo no estabelecimento, favorecem a questão acústica.

Em um estabelecimento de 50 a 60 lugares, mesmo que haja tratamento acústico no teto e cortina, é preciso ter o máximo de superfície para que o som bata e seja absorvido. E os booths são feitos com um material excelente para isso.

Obviamente, é importante ter cuidado na escolha do acabamento desses produtos. Como eles serão utilizados em ambientes com grande circulação de pessoas, é importante que tenham um revestimento de qualidade.

Estofados

Cadeiras estofadas são essenciais para proporcionar mais conforto aos clientes e estimulam a permanência das pessoas no local, fomentando o consumo.

Em alguns casos, o material não é utilizado no assento e no encosto por questão de custo ou estratégia de negócio. No entanto, é preferível que o móvel tenha esse revestimento almofadado, sempre pensando na melhor experiência do cliente.

Anatômico

Esse é um modelo que garante um conforto extra ao cliente, permitindo que ele passe horas sentado. Além disso, o processo de manutenção do produto é muito mais fácil e esse modelo apresenta uma ótima durabilidade.

“Gosto muito dos modelos da Franco Bachot, porque há sempre um cuidado muito grande para fazer um mobiliário que seja leve”, destaca o designer de interiores.

O que observar durante a escolha dos móveis para restaurante

Afinal, o que é necessário analisar ao escolher os móveis para restaurante? Quase todo empreendedor do ramo tem essa dúvida e se sente inseguro ao analisar as inúmeras opções disponíveis no mercado.

Para David, a primeira coisa a ser considerada é a usabilidade: “eu não posso ter uma madeira mega resistente em uma cadeira que eu não consigo levantar. Ela precisa ser uma cadeira leve, resistente e de fácil manutenção.” Por isso ele indica a Tauari, uma madeira leve e de alta resistência.

Do ponto de vista ergonômico, é preciso buscar atender o máximo de pessoas, independentemente da idade, gênero, tamanho e peso. É importante que o espaço seja adaptado para atender todos os clientes, inclusive usuários de cadeira de rodas e pessoas com dificuldade de locomoção.

“Nos assentos, o que mais levo em consideração são os encostos: eles têm que ter uma altura adequada para cobrir um pouco mais que a metade das costas e precisam inclinar um pouco para trás para que você fique bem-posto na cadeira. Esses são os principais pontos para levar em consideração, além da usabilidade”, enfatiza o especialista.

Além disso, é muito importante pensar em um espaço que possa ser utilizado por todos de maneira confortável e sem constranger ninguém. Por fim, “o manejo sustentável também é outro ponto a ser levantado, já que usar materiais de boa procedência e que sejam de replantio trazem, em si, a responsabilidade social”.

Tendência em design de móveis para restaurantes

Um restaurante de sucesso oferece muito mais que uma comida de qualidade. O visual é um elemento crucial para o seu posicionamento no mercado, por isso, a escolha dos móveis deve acompanhar as tendências.

Dando uma dica nesse sentido, David Oliveira informa que as madeiras escuras estão em alta: “essa é uma tendência na decoração de uma maneira geral”.

Conforme visto, a escolha de mesas e cadeiras para restaurante é estratégica e pode ser o grande diferencial de seu negócio. Para aproveitar todo o potencial desse segmento de mercado é preciso estar preparado. Sem dúvida, os móveis certos refletirão positivamente no movimento e faturamento da empresa.

Quer conhecer a linha de móveis para restaurantes da Franco Bachot? Entre em contato agora mesmo! Basta informar seus dados e aguardar o atendimento de uma equipe especializada.

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Advertisement
Advertisement
Advertisement

Facebook

More in Decoração

Send this to a friend