Conecte-se conosco

Marketing

Fotografia de alimentos: 8 dicas para deixar seus pratos mais bonitos

No mundo gastronômico, o ditado “Uma imagem vale mais do que mil palavras” se torna cada vez mais verdadeiro. A fotografia de alimentos é uma ótima ferramenta de divulgação e venda para restaurantes, porque é o primeiro contato que o cliente vai ter com os pratos oferecidos. Ao encantar visualmente a clientela, é dado o passo inicial rumo à sua fidelização

Uma fotografia bem-feita e com estética profissional é importante para a estratégia do seu negócio. O ideal é contratar um fotógrafo profissional especializado em fotografar alimentos. Mas, caso não seja possível, não se desespere se você não tiver orçamento para contratá-lo. Você mesmo pode fotografar os pratos de seu restaurante.

Deseja tirar lindas fotografias dos pratos de alimentos criados por seu restaurante? Continue lendo este artigo e aproveite as dicas que separamos para você!

Dicas técnicas para começar a fotografar alimentos

Para criar belas imagens de alimentos, é importante saber um pouco mais sobre fotografia. Mesmo não sendo um fotógrafo profissional, vale a pena conhecer o básico para começar a produzir as fotos. Cada uma das fotografias poderá ser usada para divulgar ainda mais seu negócio. Observe, a seguir, as dicas que separamos!

1. Câmera

A primeira sugestão é investir em uma câmera semiprofissional com lentes removíveis, dos tipos DSLR (Digital Single Lens Reflex) ou mirrorless. Sua ótima resolução é um grande diferencial. Com elas, você consegue explorar todas as possibilidades para a produção de imagens incríveis de alimentos, as quais farão com que o público-alvo procure seu estabelecimento para experimentar uma das suas delícias da culinária.

2. Lentes

Ter um conjunto de lentes intercambiáveis ajuda a criar profundidade e diferentes opções de foco que vão tornar as imagens superprofissionais. Segundo especialistas, uma boa lente de entrada para fotografar alimentos é a 50mm f/1.8 porque ela produz pontos de foco e desfoque. Com essa lente será possível fazer aquele efeito lindo de desfocar o fundo e deixar o prato com destaque.

3. Tripé

Utilizar um tripé é muito importante porque ele dá mais segurança na hora do clique. Esse truque deixa as fotos mais nítidas e sem nenhum “tremidinho” que possa piorar a qualidade das imagens produzidas. Caso você não possua esse equipamento, é importante encontrar algo estável para apoiar a câmera, pois apenas um toque ou pequeno movimento do dispositivo pode desfocar suas fotografias.

4. Iluminação

Pense sempre na iluminação, que é um dos itens mais importantes da fotografia. E – ótima notícia! – não é necessário investir em um kit profissional para isso. Segundo especialistas, a melhor opção no caso da fotografia de alimentos é utilizar a luz natural. A iluminação indireta que vem de uma janela, por exemplo, é perfeita para fotografar pratos de todos os tipos. Uma dica de quem entende do assunto é esquecer o flash da própria câmera!

Outra ideia interessante para a parte da iluminação é colocar um difusor entre o aparelho e a janela, pois ele vai melhorar a qualidade da luz. Vale salientar que esse truque suaviza as sombras escuras e auxilia na eliminação dos destaques brilhantes, que podem acontecer quando a luminosidade do sol atinge as áreas mais claras.

5. Quantidade de cliques

Tire muitas fotos, com os mais diferentes ângulos e enquadramentos, para ter diversas opções quando for escolher a imagem perfeita para diversificados usos, como no cardápio, nas redes sociais e em materiais promocionais. Lembre-se de que o objetivo do clique é mostrar os alimentos e que o maior foco deve estar no item principal, sendo que este pode ser:

  • carne;
  • um pedaço de bolo;
  • um sanduíche.

Acessórios como talheres, guardanapos e uma taça de bebida podem ser usados como complementos, mas o item principal deverá ser destacado. Para que os cliques sejam perfeitos, preste atenção nos detalhes do fundo da imagem, que não deve conter itens indesejados. Tire o máximo de fotos possível e de diversos ângulos para poder escolher a melhor imagem.

6. Pós-produção

Não deixe de editar as imagens para melhorar cor, saturação e contraste. A internet está cheia de tutoriais fáceis para você aprender o básico da edição de fotos. Essa etapa de pós-produção vai fazer toda a diferença no resultado final. 

Não esqueça: a prática leva à perfeição! Aproveite que você tem acesso aos pratos prontos do restaurante e fotografe muito, em locais diferentes e de forma criativa. Explorar as configurações da câmera é o caminho mais fácil para começar a produzir imagens perfeitas dos pratos que você oferece.

7. Fotografe pessoas para dar um toque sutil às fotografias

Em algumas fotografias de alimentos é difícil saber qual é o verdadeiro tamanho dos ingredientes que compõem o prato. Inclua as mãos das pessoas para adicionar um toque delicado e que mostre o real tamanho dos itens que compõem a receita de alimentos. Por exemplo, podem ser fotografadas as mãos cortando os alimentos ou montando um prato de comida.

8. Use truques que deixam os alimentos mais atraentes

Para deixar os alimentos mais bonitos nas imagens é possível aplicar alguns truques. Os pratos podem ser preparados das mais diversas formas, e vão desde uma simples xícara de café até um delicioso prato de jantar em dias de frio. Dentre os melhores truques estão:

  • cozinhar alimentos por inteiro e fotografá-los com a sua cor natural preservada;
  • pincelar manteiga para deixá-los mais brilhantes.

Esses e outros truques podem ser usados e variam de acordo com os alimentos que serão fotografados. Tenha atenção e pesquise quais são os truques para cada tipo de alimento e utilize-os para melhor divulgar os alimentos preparados por seu restaurante.

Food styling: o que é e por que é importante

Agora que você já sabe um pouco mais sobre a técnica fotográfica, vamos conhecer o conceito de composição de cena para fotografia de alimentos, também chamado de food styling. Essa expressão nada mais é do que a técnica usada para deixar os alimentos lindos e apetitosos, a partir da criação de belos cenários para valorizar a foto produzida.

Para isso, são levados em conta itens como estilo do restaurante, ingredientes do prato e objetos de cena para registrar a imagem da forma mais criativa possível. Uma foto bem-feita vai fazer com que o cliente já comece a “comer com os olhos” e fique tentado a experimentar o alimento retratado. Confira a seguir como criar uma composição de cena incrível que vai deixar seus clientes com água na boca.

Valorize os alimentos com fotografia

Depois de descobrir o que é food styling, é hora de conhecer como aplicar o conceito e começar a produzir as imagens. A primeira sugestão é buscar referências de fotos que fazem sentido para o estilo do seu restaurante encantador. Vale ler revistas especializadas, blogs de culinária e pesquisar nas redes sociais. O importante é ter muita inspiração para pensar em formas criativas de mostrar seus produtos. 

Comece idealizando o cenário perfeito para a foto. No caso de fotografia de alimentos, os profissionais indicam usar fundos neutros, como branco ou preto, para evitar erros e valorizar o objeto principal, no caso, o prato. Outra dica é enquadrar na foto somente os elementos que fazem sentido na imagem. Ter alguém ou algum item estranho aparecendo no fundo pode deixar a foto com aspecto amador. Aqui, capricho é requisito obrigatório, ok?

A organização é fundamental! Pense nos objetos que podem fazer parte da cena, como louças e copos com design diferente, sousplats e toalhas de mesa. Mas cuidado para não exagerar nos acessórios e tirar o foco do alimento. Ele sempre deve chamar mais atenção na cena porque é a estrela principal! Outra dica importante: tome cuidado ao usar talheres porque podem produzir reflexos indesejados e arruinar o conjunto.

Inclua um elemento humano na imagem como, por exemplo, a mão de alguém cozinhando, cortando um ingrediente ou finalizando um prato. Esse artifício ajuda a criar uma identificação e aproximação maior com quem vê a foto e valorizar a composição da fotografia. Um truque extra, que pode ajudar muito para deixar os alimentos com aparência mais fresca, é pincelar um pouco de azeite de oliva. O óleo dá um brilho instantâneo nos vegetais.

Outra sugestão de quem entende do assunto é retirar os alimentos do fogo um pouco antes da hora para deixá-los mais suculentos e perfeitos para a foto. Isso é necessário porque, mesmo depois de retirados do calor, eles continuam a cozinhar por mais um tempo.

Saiba quais são os principais erros de fotografia de alimentos

Erros acontecem em qualquer profissão, seja ela voltada à área da administração ou ao segmento da fotografia. Às vezes, a melhor maneira de aprender determinado trabalho é cometendo falhas, pois é neste momento que é possível analisar as falhas para evitar cometê-las novamente. Veja abaixo alguns dos problemas que mais acontecem na hora de tirar fotos de alimentos!

1. Não nivelar a câmera à linha do horizonte

Nivelar a câmera à linha do horizonte requer tempo e prática. Ao bater fotos de alimentos, verifique se o dispositivo está nivelado. Isso não se aplica apenas à linha do horizonte, mas a proa e a ré também devem estar niveladas. Tais fatores podem ser aprimorados na pós, mas nem sempre as fotografias ficam boas. Esse erro pode ser evitado acertando o equipamento antes de capturar as imagens e um nível de bolha pode ser o suficiente para ajudar nessa tarefa.

2. Não limpar a bagunça da cozinha antes de tirar as fotos

Outro erro que acontece com frequência no momento de fazer as fotos dos alimentos preparados é não limpar a bagunça da cozinha antes de capturar as imagens. É comum que esse ambiente fique desorganizado em virtude do fato de ter que usar ingredientes, panelas, copos, facas e outros utensílios. O fogão e a mesa também podem ficar sujos após usá-los para o preparo dos alimentos. Sem perceber, o cozinheiro poderá estar no meio de diversos itens espalhados por todos os lados.

Para evitar esse tipo de bagunça é interessante colocar todos os ingredientes em um local de fácil acesso e ir lavando as louças conforme o uso. Além disso, é importante arrumar a cozinha antes de iniciar o preparo da comida, tendo em vista que assim fica mais fácil mantê-la organizada.

3. Utilizar adereços inadequados para contar a história

Os adereços também são importantes para as fotos. Itens como garfo, flor de guardanapo, copo, jarro e ervas podem fazer toda a diferença em uma imagem. O que se escolhe colocar na decoração para fazer a foto realmente faz a diferença, pois os acessórios ajudam a contar a história de como o alimento foi preparado, de onde vem e a origem do prato.

Escolher os acessórios incorretos para o primeiro plano e para o plano de fundo pode passar uma visão distorcida para as pessoas que acessam as imagens. Por essa razão, o profissional que vai bater as fotos precisa ficar atento a esses detalhes.

4. Tirar uma foto porque a imagem é bonita com pouca luz

Tirar uma foto apenas porque a imagem é bonita, mas com pouca luz também é um erro muito comum de acontecer que esconde os benefícios do ambiente. As câmeras veem luz, mesmo quando o assunto parece delicioso. A luz perfeita para esse tipo de foto deve ser:

  • abundante;
  • suave;
  • angulada.

Para evitar esse tipo de erro é preciso escolher um lugar que pode ser próximo a uma janela onde apareça a luz brilhante do lado de fora e apenas a luz filtrada passa deixando a aparência do local impecável. Esse tipo de cenário oferece uma variedade de cenários para os disparos dos cliques.

Neste artigo, você aprendeu dicas e truques para começar a se aventurar no mundo da fotografia de alimentos. Lembre-se de que imagens bem-feitas dos pratos são importantes para valorizar a culinária que você oferece e chamar a atenção de cada um dos seus clientes. 

Por isso, tenha atenção a cada uma das imagens que capturam os alimentos e sempre se pergunte se elas estão à altura dos seus clientes, sejam eles crianças, jovens, adultos ou idosos. E então, está confiante em fotografar os pratos do seu restaurante? Com as dicas que disponibilizamos aqui vai ser mais fácil realizar esse trabalho. Com certeza, suas fotos vão ficar perfeitas para serem expostas na Internet e em outros locais de divulgação.

Quer saber mais informações para melhorar seu negócio do ramo alimentício? Baixe nosso e-book “Saiba como desenhar sua estratégia de divulgação online!” e receba nossas dicas de como fazer para divulgar seu estabelecimento online.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais em Marketing

Copyright © 2017 Servir com Requinte • Franco Bachot Móveis . Desenvolvido por Agência YoOu.

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.

Aviso: Nós da Franco Bachot utilizamos de cookies com ferramentas do Google e Facebook para verificar informações e melhorar a experiência de nossos clientes para oferecer melhores produtos e serviços.

Send this to a friend