Conecte-se conosco

Gestão

Saiba mais sobre quanto custa montar um restaurante

Está pensando em empreender e quer saber quanto custa montar um restaurante? Essa é uma pergunta muito boa, mas para respondê-la, é preciso se atentar a uma série de fatores, a começar por um bom planejamento. É ele que vai mostrar todos os gastos necessários para que o seu estabelecimento fique do jeito que sempre sonhou.

Prepare-se para arcar com todos os custos dessa empreitada, com as dicas deste artigo. Ao longo da leitura, você vai encontrar todas as orientações que precisa para evitar surpresas desagradáveis e se tornar um empreendedor de sucesso!

O que deve constar no orçamento inicial?

O primeiro passo para elaborar um bom planejamento é garantir que todos os custos sejam previstos dele. Para isso, confira os itens que não podem ficar de fora.

Gastos com a preparação do local

Seu futuro endereço comercial está muito longe de ser o seu restaurante. Seja um espaço próprio ou alugado, serão necessárias diversas modificações e aquisições até que se chegue ao formato final, que será apresentado ao público. Os diversos custos relacionados a essa etapa do planejamento podem ser agrupados conforme abaixo:

Reforma e decoração

O espaço escolhido para abrigar o seu negócio precisará ser adaptado. Todas as despesas com o pagamento de mão de obra, materiais de construção, contratação de arquiteto e aquisição de mobiliário devem constar em seus registros de previsão de custos. Lembre-se de separar um montante para imprevistos, pois eles podem acontecer.

Equipamentos e utensílios

Depois de preparar o local, será preciso equipá-lo. Liste todos os equipamentos da cozinha, tais como fogões, fornos e refrigeradores, bem como os utensílios que serão usados por sua equipe. Os tipos e quantidades vão variar de acordo com o tipo de comida que será servida e o tamanho do empreendimento. Considere todos esses fatores na hora de fazer os cálculos.

Licenças e tributações

Por fim, antes de abrir, é preciso seguir diversas recomendações da Vigilância Sanitária e cumprir com a legislação vigente em sua cidade. Portanto, preveja uma parte do orçamento para pagar tributações e licenças, bem como para realizar adaptações em determinados ambientes para o cumprimento de exigências legais, como a instalação de rampas de acesso e compra de equipamentos de prevenção a incêndios.

Despesas com insumos

Agora, começam as despesas com a rotina do restaurante. No primeiro momento, será preciso abastecer o estoque com ingredientes para atuar nos primeiros dias e meses, sempre respeitando o espaço disponível na dispensa e os prazos de validade de cada produto. Para evitar desperdícios e insuficiências, é importante se programar para ter o valor suficiente para comprar os insumos dos próximos 6 a 12 meses. Isso ajuda o negócio a se sustentar até se estabilizar no mercado.

Pagamento dos funcionários

Assim como as comidas e bebidas que serão oferecidas aos clientes, é fundamental ter um montante reservado para o pagamento dos funcionários. Mas, muito cuidado: o salário é apenas um dos itens que compõem esses custos!

Não se esqueça de incluir nessas contas os valores de impostos e encargos sociais, além do pagamento de benefícios e treinamentos para as equipes. Pense nesses quesitos como investimentos que trarão um retorno fundamental para a qualidade do seu restaurante.

Investimentos em marketing e divulgação

Outra despesa que será recorrente é com a promoção do local. Também são investimentos, visto que são responsáveis por atrair e fidelizar mais clientes, proporcionando o crescimento do negócio. No início, os valores podem ser maiores para ajudar na entrada da marca no mercado, depois de estabilizado, as ações podem ser apenas de manutenção e fidelização.

Como montar um restaurante de sucesso?

Depois de saber quanto custa montar um restaurante, você vai precisar de algumas dicas para garantir que ele será um estabelecimento de sucesso. Veja algumas delas a seguir.

Defina um público-alvo

O primeiro ponto é: quem você quer agradar? Cada público tem suas particularidades e o sucesso está em acertar nas preferências da clientela escolhida. Por isso, faça um estudo aprofundado das pessoas que deseja receber em seu restaurante. Conheça seus hábitos, suas preferências e aquilo que elas não gostam.

Com base em todas essas informações, você será capaz de elaborar uma proposta de valor muito mais precisa dos pontos que realmente importam para eles. Jovens têm gostos diferenciados de idosos, quem gosta de comida oriental, nem sempre gosta da cozinha contemporânea e assim por diante. Defina seu público e foque nele.

Escolha o segmento específico de atuação

Depois de definir o público-alvo, defina como ele será atendido. Atualmente, existe uma infinidade de tipos de restaurantes, oferecendo produtos e serviços variados e muito bem segmentados. Será um fast food ou um self-service? Servirá lanches ou refeições completas? Terá ou não serviço de entrega? Seja qual for a escolha, a base deve ser o perfil do público. Faça o que seus clientes querem, não o que você acha que eles querem.

Invista na decoração do local

A decoração do local faz toda a diferença na experiência do consumidor. Um restaurante de alto padrão, por exemplo. exige móveis elegantes e com requinte, já um restaurante de gastronomia francesa, demanda uma ambientação que remeta a um bistrô. Cada proposta de cardápio e serviços deve estar alinhada com os itens que compõem o visual do lugar. Isso ajuda a fortalecer a marca e a proporcionar ótimas experiências aos clientes.

Aposte em fornecedores de confiança

Esse é o ponto-chave do sucesso de um restaurante. Os fornecedores devem ser parceiros do negócio e terem um compromisso com o cumprimento de prazos e de exigências de qualidade. Desde as empresas que entregam os ingredientes até a responsável por fabricar as mesas e cadeiras, todos devem ser escolhidos com cuidado e critério para evitar problemas, inclusive a longo prazo.

Como você pôde notar, para saber quanto custa montar um restaurante é preciso ir em busca de muitas informações antes de chegar a um número final. Utilizando as dicas deste artigo, todo esse trabalho fica muito mais fácil, pois você já terá um guia do que não pode deixar de fora. Então, aproveite que está com todo esse arsenal em mãos e comece agora mesmo a planejar a abertura do seu negócio!

Se você está disposto a tirar seu sonho do papel, mas ainda precisa se aprofundar um pouco mais no assunto, baixe o e-book “Bares e restaurante: como empreender com sucesso” e tire as suas dúvidas!

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Propaganda
Propaganda
Propaganda

Facebook

Mais em Gestão

Copyright © 2017 Servir com Requinte • Franco Bachot Móveis . Desenvolvido por Agência YoOu.

Send this to a friend