Conecte-se conosco

Decoração

Namastê! Conheça um pouco da cultura e atmosfera indiana em restaurantes

A gastronomia indiana se caracteriza pelo uso de vários temperos, ervas, frutas e vegetais. O alimento é extremamente importante e está sempre presente no dia a dia da família indiana, fazendo parte de diversas comemorações. Com uma tradição tão forte, o menu, sem dúvidas, é o elemento mais importante no planejamento de um restaurante indiano.

No entanto, uma ambientação que reflita a riqueza das raízes culturais do país também será fundamental para o sucesso do negócio. Há muitas referências de cheiros, texturas e cores que vão ajudar a transportar seus clientes para a Índia sem que eles precisem sair do Brasil. A seguir, conheça alguns aspectos da cultura indiana para saber como proporcionar uma experiência única em seu estabelecimento!

Comida e espiritualidade

Visitar a Índia costuma ser uma viagem para revigorar a espiritualidade: o país é famoso pelas práticas milenares de equilíbrio físico e espiritual. Lá, gastronomia e religião caminham juntas: a comida, para a maioria dos indianos, é considerada um presente dos deuses.

O hinduísmo, religião local predominante, propõe o vegetarianismo. Atualmente, quase 30% da população adota esse estilo alimentar. Segundo a lei do retorno dos hindus, causar qualquer tipo de dor e sofrimento a outros seres vivos acumula um “karma” negativo sobre a própria vida.

Além disso, a vaca é considerada um animal sagrado, e apenas os laticínios são liberados, pois os hindus acreditam que os derivados do leite influenciam na espiritualidade.

Mesmo assim, há diversas receitas com carne na cozinha indiana. Mas, como lá esse item custa muito caro, o consumo acaba restrito às ocasiões especiais. Em geral, os cardápios trazem pratos à base de frango, cabra, camarão e peixe (em regiões litorâneas), todos tipicamente muito temperados.

Experiências e sentidos

Todos os cinco sentidos estão envolvidos na degustação: paladar, olfato, visão, audição e tato. Eles se unem para nos dar uma experiência sensorial completa ao saborearmos os alimentos. O prazer dessa experiência é o que queremos recordar e repetir quando dizemos que gostamos e desfrutamos de uma comida.

A gastronomia indiana explora ao máximo essa combinação: as receitas trazem muitos ingredientes com cores vibrantes e uma grande variedade de texturas, especiarias e ervas aromáticas — gatilhos poderosos para estimular o apetite dos seus clientes!

Explosões de sabores

Os sabores indianos são extremamente complexos: podem combinar doce, salgado, amargo, ácido, adstringente e picante, tudo no mesmo prato. Segundo a filosofia ayurvédica, esse é o segredo para comer pouco, acelerando o metabolismo e eliminando as toxinas para purificar o corpo e a mente.

Esse efeito diferenciado é causado, em grande parte, pela combinação de diversas especiarias: aquelas mercadorias históricas, que atraíram tantas expedições de navegadores entre os séculos 19 e 20. Conheça, a seguir, alguns dos principais preparos aromáticos que marcam a gastronomia indiana:

Masala

Masala é um termo genérico para definir uma mistura de temperos, ervas e especiarias torradas que dão aroma, sabor e personalidade à comida. As combinações podem ser diversas: em geral, mistura-se anis, cardamomo, cravo, noz-moscada, gengibre, pimenta-do-reino e canela. Os colonizadores ingleses deram o nome de “curry” aos caldos indianos feitos com base na mistura de aromas — na Índia, é comum que cada família tenha sua própria combinação de especiarias.

Garam Masala

É um masala mais apimentado, que pode incluir também pimenta negra, pimenta branca, folhas de malabar, pimentas chilli, cominho negro e semente de coentro, por exemplo.

Chutney

Essa é uma tradicional mistura da corrente agridoce da gastronomia indiana: o chutney é uma espécie de molho, feito com uma mistura de pimentas, açúcar mascavo, frutos, vegetais e especiarias.

Chás tradicionais

O chá é a bebida preferida dos indianos. O mais famoso é o “masala chai”, que combina diversas especiarias com chá preto e pode ser misturado com leite e açúcar.

Em um restaurante típico, o “chai” deve ser servido após a refeição, assim como os brasileiros fazem com o café. Se aqui temos os baristas de café, na Índia existem os “Chai Wallahs”, verdadeiros alquimistas no preparo de infusões.

Combinação de cores vivas

A decoração indiana é a própria representação do arco-íris, com cores fortes e enérgicas. Além de atuar sobre as emoções humanas, o jogo cromático produz a sensação de movimento, uma dinâmica envolvente que interfere diretamente em nosso humor. Por isso, deve ser bastante explorado na decoração do restaurante e nas vestimentas da equipe.

Cada cor tem um significado específico para o povo indiano:

  • vermelho: simboliza o poder, a força de vontade e a coragem. Aumenta a vitalidade, a paixão e o desejo;

  • amarelo: eleva a autoestima e estimula a criatividade e a curiosidade. É a cor da sabedoria e da inteligência;

  • laranja: imita o fogo sagrado que queima as impurezas. Representa a generosidade e a compaixão;

  • verde: valoriza a natureza, estimulando a harmonia, a calma e o equilíbrio;

  • azul: inspira verdade, fé, serenidade e respeito. Representa o lado frio da natureza;

  • violeta: afasta a depressão, estimula a tranquilidade e a reflexão positiva. É ideal para ambientes de meditação.

Na ambientação do seu restaurante, misture tons metálicos de joias brilhantes com tons terrosos ardentes para criar uma atmosfera única. Tome como referência uma paleta de cores da natureza, como açafrão, laranja, erva verde, neutro escuro e tomate. Nas paredes, o vermelho estimulará o apetite, enquanto o laranja impulsionará as conversas.

Tecidos e tapetes únicos

A Índia é o berço da arte da estamparia. A exuberância das cores também se reflete nos tecidos de forma única, um elemento que pode ser muito bem explorado na decoração do restaurante. Aproveite para utilizar esse recurso em toalhas de mesa, cortinas, estofados, almofadas e outros itens decorativos. Ainda, é possível aplicar tecidos especiais como revestimentos de parede.

O chão também merece atenção especial: abuse dos tapetes, cuja produção é uma atividade milenar na Índia. Com trabalho muito habilidoso de tecelagem artesanal, cada peça possui detalhes especiais que expressam todo o requinte da cultura indiana. Lembrando que eles também podem ser aproveitados como quadros.

Mobílias e detalhes

Os móveis indianos possuem muitos detalhes esculpidos à mão. Como esse tipo de trabalho é mais caro, você pode escolher apenas alguns elementos com esse perfil, como portas, janelas e painéis de entrada. Prefira cadeiras de madeira estofadas e mesas grandes, mas garanta um bom espaço entre as mesas para o conforto dos clientes.

Iluminação e decoração marcante

Proporcione uma iluminação acentuada, com lanternas, velas e luminárias luxuosas: o contraste das luzes com as cores provoca uma sensação de calma e aconchego.

Reforce a atmosfera espiritualizada com elementos decorativos que remetam à natureza e às religiões indianas: combine arranjos florais secos com esculturas de divindades hindus, como Shiva, Krishna e Ganesha.

Para finalizar, um ponto essencial: ofereça um atendimento “padrão Namastê”. A conhecida saudação indiana significa “o Deus que habita o meu interior reconhece o Deus que habita em você”. É uma forma de agradecer a presença e demonstrar respeito pelo próximo, valores que certamente você quer transmitir aos seus clientes, não é?

Se você gostou deste conteúdo, compartilhe o post no seu Facebook para que mais gente possa conhecer toda a riqueza da cultura e da gastronomia indiana!

CTA_Bares e Restaurantes - como empreender com sucesso e fazer o negócio decolar-

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Propaganda
Propaganda
Propaganda

Facebook

Mais em Decoração

Copyright © 2017 Servir com Requinte • Franco Bachot Móveis . Desenvolvido por Agência YoOu.

Send this to a friend